Hora da Compra – Detalhes que fazem toda diferença

Meu amigos(as), boa noite!


Hoje escolhi, de forma sortida, enumerar alguns “detalhes” que para umas famílias são de maior ou menor importância, mas que para o Mercado são, principalmente na hora da venda, relevantes.


Mas o que mais me move ao tocar nesses pontos é poder contribuir, mesmo que de forma modesta, para que a escolha da sua casa – do seu lar – seja em todos os sentido um bom negócio.


Então, citarei alguns itens e cuidados referentes ao apartamento, ao edifício, a vizinhança, a rua e ao entorno… Que devem ser notados e avaliados antes da tomada da decisão – ou não – da compra.





100 dicas para o comprador


O que você deve observar com maior atenção no momento da compra – para imóveis usados.


  1. Melhor ponto possível;

  2. A melhor vista possível;

  3. O mais indevassável possível;

  4. Segurança você nota fácil, ainda na primeira visita;

  5. Planta – circulação em X;

  6. Andar médio;

  7. Garagem – limpa, arejada, pintada, bem conservada – bom sinal;

  8. Distancia de piscina – a maior possível;

  9. Histórico de cotas extras;

  10. Ponto de ônibus na portaria;

  11. Retorno importante na porta de casa;

  12. Sol da manhã (de preferência) ou da tarde (?);

  13. Indevassável – principalmente quartos e piscina;

  14. Lojas na portaria;

  15. Menor número de imóveis por andar;

  16. Menor número de imóveis por ala – no seu hall social;

  17. Menor número de apartamentos no prédio;

  18. Menor número de prédios no condomínio;

  19. Leds – alguns prédios já substituíram lâmpadas tradicionais para as Leds – são mais baratas para o morador na hora da conta de luz;

  20. Ventilação, iluminação e aeração;

  21. Banheiros com ventilação direta;

  22. Cômodos que não sejam voltados para áreas comuns – prismas;

  23. Número de suítes;

  24. Número de vagas;

  25. Vagas cobertas;

  26. Histórico de valorização;

  27. Harmonia da planta;

  28. Acabamento;

  29. Valor do condomínio;

  30. Valor do IPTU;

  31. Foreiro;

  32. Vagas para visitantes;

  33. Se os elevadores estão rabiscados;

  34. Ruas sem saídas,

  35. Iluminação noturna da rua e das ruas próximas;

  36. O que fica ou sai do apartamento – depois de vendido, na ocasião da entrega (documentar é bom);

  37. Armários fixos ou removíveis – de cozinha idem;

  38. MP do bem;

  39. Lucro imobiliário;

  40. ITBI;

  41. Corretagem – vendedor;

  42. Receber a “papelada” antes do sinal – 3 dias se possível;

  43. Negociar com calma – proposta não é ofensa – e após liberação dos advogados;

  44. Feiras na porta de casa;

  45. Ruas movimentadas – longe dos sinais;

  46. Ruas tranqüilas – qualquer lugar é bom mas se puder escolher fique pelo meio da quadra;

  47. Comunidades (?) – Pacificadas (?);

  48. Guaritas legalizadas são bem vindas;

  49. Restaurantes;

  50. Boates;

  51. Ponto de encontros;

  52. Carnaval – rua fechada(?);

  53. Fiação – verificar, dependendo da idade, a parte elétrica;

  54. Tubulação – verificar, dependendo da idade, a parte hidráulica;

  55. Sudoeste – apartamentos muito expostos ao vento – evitar colunas do sudoeste;

  56. Verificar infiltrações;

  57. Verificar a presença de cupins;

  58. Orçamento de reformas requer um especialista de confiança;

  59. Sinal – só com advogado;

  60. Proposta – condução e finalização – função dos corretores;

  61. Silêncio – é bom;

  62. Velocidade de Vendas (?);

  63. Idade – do edifício;

  64. Construtora (?);

  65. Horário do Rush – fazer uma visitinha é aconselhável;

  66. Vizinhança;

  67. Cachorro – se é permitido ou não;

  68. Resolveu – contrate um advogado antes de pagar;

  69. Histórico de valorização;

  70. Histórico de vacância de locação;

  71. Vagas – organização – livres ou com manobrista;

  72. Última reforma (?);

  73. Sindicância – atuante ou não;

  74. Educação dos porteiros, zeladores e etc;

  75. Ligar torneiras;

  76. Abrir janelas;

  77. Se possível olhar os armários – por dentro – para saber se estão em bom estado;

  78. Notar cozinha com a luz apagada – luz natural;

  79. Acessibilidade;

  80. Se a fachada pode entrar em reforma;

  81. Carros e crianças – longes;

  82. Quantidade de escadas até os elevadores;

  83. Idade dos elevadores;

  84. Elevadores chegam em todos os andares de garagem (?);

  85. Escadas – limpeza;

  86. Hall de serviço – limpeza;

  87. Padarias;

  88. Hospitais – emergências;

  89. Escolas;

  90. Prédios antigos tem cotas de terrenos elevadas – desde que sejam poucos vizinhos – um dia vc pode acordar rico;

  91. Compare preços com imóveis semelhantes – ponto e tamanho;

  92. Dependências de empregada reversíveis (?);

  93. Decoração não agrega preço (existem exceções) mas geram liquidez (normalmente);

  94. Shopping;

  95. Bancos;

  96. Administradora {?);

  97. Prédios com infraestrutura de lazer – maior distância possível das quadras;

  98. Evite prédios que não sejam “Maracanãs”;

  99. Supermercados;

  100. . Distância do trabalho, escolas, clubes e praias (?).

Lembrando que ninguém melhor do que você e sua família para saber e avaliar o local onde vocês irão brincar com seus filhos, namorar, curtir, relaxar, agitar, receber seus amigos, brindar com seus familiares, colecionar suas histórias e se sentirem à vontade. Na hora que vocês acharem esse espaço – local – apartamento – casa = lar, a única dica é: Sejam Felizes!

Bom fim de semana e até segunda.

Bjos e Abs. PCX

Posts recentes

Ver tudo